Boicote impede reunião do Conselho Político do PMDB

Por conta do boicote organizado pelos partidários da candidatura do deputado Michel Temer (PMDB-SP) à presidência do PMDB, o senador Maguito Vilela (PMDB-GO) não conseguiu quórum suficiente para reunir hoje o Conselho Político do partido. Presidente interino do PMDB e candidato da ala governista ao comando da legenda, Maguito sofreu mais essa derrota, menos de uma semana depois de não conseguir aprovar suas propostas na reunião da Executiva Nacional. Dos 54 integrantes do Conselho, apenas oito peemedebistas com direito a voto compareceram à reunião, convocada para discutir o edital da convenção nacional do próximo domingo. "Não foi uma derrota", reagiu Maguito Vilela. Ele argumentou que os aliados de Temer "estão fugindo da discussão dos problemas do partido". "Mas eles não conseguirão fugir o tempo todo, pois teses como candidatura própria à presidência da República e a realização de prévias para a escolha do candidato à sucessão presidencial estarão em debate na convenção do PMDB de domingo", afirmou o senador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.