AO VIVO

Eleições: 2020: notícias, resultados e apuração do 2° turno

Boato sobre Bolsa Família é 'desumano' e 'criminoso', diz Dilma

No Recife, presidente reafirmou manutenção do programa e destacou empenho da PF para descobrir de onde partiram informações sobre fim do pagamento do benefício

Carla Araújo e Renan Carreira - Agência Estado

20 de maio de 2013 | 14h45

A presidente Dilma Rousseff classificou como 'desumano' a onda de boatos sobre o fim do programa Bolsa Família, que provocou tumulto em agências da Caixa em ao menos dez Estados durante o fim de semana. "É algo absurdamente desumano. O autor desse boato é criminoso, por isso colocamos a Polícia Federal (PF) para descobrir a origem do boato", afirmou Dilma nesta segunda-feira, 20, em cerimônia de lançamento das operações do petroleiro Zumbi dos Palmares, em Ipojuca, no Recife.

No evento, Dilma reafirmou a manutenção do programa. "O recurso será garantido enquanto for necessário e tiver algum brasileiro vivendo abaixo da linha da pobreza", disse. "O compromisso com o Bolsa Família no meu governo é forte, profundo e definitivo, nós não abriremos mão do Bolsa Família, como não abriremos mão do nosso compromisso com conteúdo nacional para indústria naval", completou. O programa é

Apesar de o governo ter desmentido o fim do Bolsa Família, agências de cidades do Ceará e da Bahia ainda registraram procura acima da média nesta segunda por beneficiários do programa que tentavam sacar o dinheiro. A Polícia Federal investiga o caso, mas ainda não tem informações sobre a origem do episódio. 

 

Tudo o que sabemos sobre:
Bolsa FamíliaDilma

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.