Bispo diz que projeto não chega ao final

De volta a Sobradinho (BA), onde passou 24 dias em greve de fome em protesto contra a transposição do Rio São Francisco, no final de 2007, o bispo de Barra, d. Luiz Flávio Cappio, voltou a afirmar que o projeto não vai chegar ao final. "A transposição não vai acontecer. São tantas as irregularidades, tantos os absurdos, que não há como o projeto ser executado, ainda que as obras estejam sendo feitas." Cappio participou da Conferência dos Povos do São Francisco e do Semi-Árido, ocorrida entre segunda-feira e ontem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.