Bezerra diz que continua ministro

A reunião do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, com o presidente Fernando Henrique Cardoso terminou por volta de 13h30. Ao sair do Palácio da Alvorada ele disse aos repórteres: "continuo ministro". No encontro, que durou cerca de uma hora, Bezerra apresentou seus argumentos contra as acusações de envolvimento em irregularidades na Sudene. O ministro deverá conceder entrevista coletiva às 15 horas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.