Bexigas de água e bandeira são arremessadas contra Dilma no PR

A candidita não foi atingida por nenhum dos objetos lançados contra ela

Julio Cesar Lima, da Agência Estado

21 de outubro de 2010 | 14h55

CURITIBA - A candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, foi alvo de objetos atirados por eleitores enquanto fazia uma caminhada pela área central de Curitiba nesta quinta-feira, 21, acompanhada por cerca de duas mil pessoas. Três bexigas cheias de água foram arremessadas de prédios comerciais na direção da petista, atingindo apenas militantes que a acompanhavam. Depois, durante uma carreata até a cidade de Piraquara, uma bandeira foi jogada na direção de Dilma. A candidata não foi atingida, mas o objeto passou por cima de sua cabeça.

 

A candidata do PT fazia passeata na área central de Curitiba            Foto: Roberto Dziura Jr./NewsFress    

Na manhã desta quinta, a petista cumpriu agenda de campanha em três cidades do Paraná. Primeiro, a caminhada pela área central de Curitiba. Depois, ela seguiu para Pinhais e fez uma carreata de aproximadamente oito quilômetros até Piraquara. De lá, seguiu para o aeroporto, onde no início da tarde embarcou para Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

Em Curitiba, Dilma recebeu um manifesto de apoio a sua candidatura de agentes culturais, estudantes e intelectuais paranaenses. Em sua passagem pelo Paraná, a candidata petista não falou com a imprensa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.