Berzoini responde à declaração do presidente do TST

Em resposta ao presidente do Tribunal Superior do Trabalho, ministro Francisco Fausto, que desafiou hoje o presidente Lula a abrir a "caixa preta" da Previdência, o ministro da Previdência Social, Ricardo Berzoini, afirmou que o governo já vem abrindo essa "caixa preta" desde a sua posse no dia 2 de janeiro. "Estamos disponibilizando uma ampla gama de informações para a sociedade, motivo pelo qual temos sido inclusive elogiados", enfatizou Berzoini durante teleconferência promovida pela Agência Estado em parceria com a Wittel. "Me coloco à inteira disposição do ministro para vir ao Ministério da Previdência para esclarecer o que for preciso", enfatizou. Admitindo que essa "caixa preta" existiu no passado e que o sistema previdenciário sofre de desequilíbrios crônicos até hoje por conta de definições incorretas para as aposentadorias de alguns segmentos, Berzoini disse ainda que não há interesse do governo em esconder qualquer tipo de dado relativo à Previdência, até por terem criticado tanto essa prática em gestões passadas de governo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.