Berzoini nega saída de Palocci e pagamento a Ratinho

o presidente do PT, deputado Ricardo Berzoini, disse, nesta segunda-feira, que o ministro da Fazenda, Antonio Palocci, pretende permanecer à frente da equipe econômica até dezembro. "Não há veracidade na informação de que ele vá se licenciar para coordenar a campanha do presidente Lula à reeleição", afirmou Berzoini. "Não faz sentido licença para quem é ministro". Berzoini deu estas declarações pouco antes de entrar na reunião dos secretários estaduais de Organização do PT, que está sendo realizada no Hotel Nacional, em Brasília. O presidente do PT é um dos nomes cotados para integrar o time que coordenará a campanha para a reeleição do presidente Lula. Questionado sobre a notícia divulgada pela revista Veja de que o PT teria pago o apresentador Ratinho, em 2004, para elogiar o presidente Lula, Berzoini disse que "isso não tem o menor cabimento".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.