Berzoini faz novo pedido de cassação de Onyx Lorenzoni

O presidente do PT, deputado Ricardo Berzoini (SP), apresentou novo pedido de cassação do mandato do deputado Onyx Lorenzoni (PFL-RS) para evitar o arquivamento do processo depois da polêmica que vem ocupando os trabalhos do Conselho de Ética da Câmara sobre o prosseguimento ou não da representação contra o pefelista.Laudo pericial da Polícia Civil do Distrito Federal atesta ser falsa a assinatura do então presidente do PT, Tarso Genro, na primeira representação protocolada no ano passado e o colegiado passou a semana discutindo o que fazer com o processo."Queremos superar essa questão. Sem prejuízo das investigações, essa questão não pode ser usada como álibi ou argumento para que não se processo o deputado", argumentou Berzoini, completando que o partido está disposto a colaborar com as apurações sobre a autenticidade da assinatura de Genro.Berzoini afirmou que não há dúvidas de que Genro assinou a representação contra o pefelista e lembrou que tanto ele quanto Genro manifestaram publicamente a determinação de processar Lorenzoni. "Não há razão para considerar essa polêmica mais do que uma luta política", afirmou Berzoini. O PT acusa Lorenzoni de ter ferido o decoro parlamentar ao divulgar dados sigilosos do ex-deputado José Dirceu (PT-SP), obtidos por meio da Comissão Parlamentar de Inquérito dos Correios, de forma distorcida para a imprensa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.