Bernardo: Índio da Costa 'se comporta como um idiota'

Em entrevista, vice de Serra associou o PT às Forças Revolucionárias Armadas da Colômbia e ao narcotráfico

RAFAEL MORAES MOURA, Agência Estado

19 Julho 2010 | 12h56

O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, criticou hoje as declarações do candidato a vice-presidente na chapa de José Serra (PSDB), Índio da Costa (DEM-RJ). Em entrevista ao portal do PSDB, Índio da Costa associou o PT às Forças Revolucionárias Armadas da Colômbia (Farc) e ao narcotráfico. "O comportamento desse rapaz mostra que ele não está preparado. É uma pessoa despreparada", criticou Bernardo. "E é ruim para o candidato da oposição colocar uma pessoa que se comporta como um idiota, porque, francamente, o comportamento dele é de idiota."

 

Questionado se é o caso de interpelar judicialmente o candidato, o ministro disse que sim. "Acho que é. Mas como eu não respondo pelo PT, isso tem que ser resolvido lá nas instâncias partidárias", disse Bernardo, que participou da cerimônia de assinatura da medida provisória (MP) que facilita o financiamento para obras de infraestrutura para a Copa do Mundo em 2014 e a Olimpíada em 2016.

Mais conteúdo sobre:
eleição PT Paulo Bernardo Indio da Costa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.