Bernardo: boa situação da economia dará votos a Dilma

O ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Paulo Bernardo, afirmou hoje que, se a economia estiver bem - e o governo for bem avaliado pela população -, a situação se reverterá em votos para a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, nome mais cotado do PT para sucessão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "É natural isso. A melhor forma de ganhar uma eleição é fazer um bom governo", disse o ministro, após a participação em um programa na Empresa Brasileira de Comunicação (EBC).

RENATA VERÍSSIMO, Agencia Estado

30 de julho de 2009 | 10h39

Bernardo afirmou também que ainda não decidiu se deixará o governo para disputar as eleições em 2010. Hoje, em entrevista ao jornal "Correio Braziliense", ele disse que pretende se candidatar a deputado federal, mas que não tomará qualquer decisão antes de falar com o presidente Lula. "Da outra vez, fui lá ele falou para eu ficar. Antes de falar com ele não vou tomar decisão."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.