Benedita pede apoio de FHC para governar

A governadora do Rio, Benedita da Silva (PT), foi, nesta quinta-feira, ao Palácio do Planalto, pedir o apoio do presidente Fernando Henrique Cardoso para administrar o Estado. "Ninguém governa sozinha. É preciso apoio do governo federal e das 92 prefeituras, independentemente da sua coloração", disse a governadora, depois de audiência de cerca de 40 minutos.Benedita garantiu que, mesmo sendo representante do PT, "não se sentia desconfortável" por estar no Planalto pedindo ajuda. "Quando for o momento do embate eleitoral, o partido cuidará e fará o embate", disse ela, destacando que pertence à linha de Che Guevara : "Endurecer sem perder a ternura".PleitosNa conversa com o presidente, Benedita apresentou três pleitos iniciais do Estado: antecipação do pagamento de royalties (de 30 dias para 5 dias); liberação de R$ 221 milhões aprovados e não liberados pelo BNDES; e apoio à campanha de prevenção da dengue."Eu tenho de pagar servidores, convênios e muitas outras coisas", afirmou a governadora, justificando o pedido de ajuda. Segundo ela, o presidente entendeu as dificuldades do Estado e lembrou que está convivendo com todos os partidos. "Ninguém quer cometer suicídio político", disse Benedita. A governadora conversou ainda com Fernando Henrique sobre os problemas da dengue.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.