Belo deixa a delegacia Anti-Seqüestro

O cantor Marcelo Pires Vieira, o Belo, deixou a sede da Delegacia Anti-Seqüestro, no Leblon, zona sul do Rio de Janeiro, na madrugada desta sexta-feira, à 00h20. A libertação só foi possível depois que o presidente Supremo Tribunal Federal (STF), Ministro Marco Aurélio Mello, concedeu um habeas-corpus ao pagodeiro, no início da noite desta quinta-feira. O cantor, que estava preso desde o dia 5 de junho em uma cela junto com outros sete detentos, vai responder em liberdade pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de armas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.