Bancada governista não consegue obstruir votação

A bancada governista não conseguiu obstruir a votação da retirada de pauta do projeto de lei complementar que amplia o cronograma de redistribuição do Fundo de Participação dos Estados e municípios. Deputados de todos os partidos da base descumpriram a orientação de seus líderes, possibilitando que o quórum mínimo de 257 votantes fosse alcançado. O deputado Roberto Brant, relator da Proposta de Emenda Constitucional que restringe a emissão de medidas provisórias, ironizou a infidelidade dos deputados governistas com a seguinte declaração: "A gente não pode confiar no patriotismo dos outros partidos da base governista". Agora os partidos da base governista estão recomendando o voto contra o requerimento para tentar impedir que a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) das MPs seja a próxima matéria da pauta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.