Bancada do PT voltará a discutir caso Heloísa Helena

O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) obteve do líder do PT no Senado, Tião Viana (AC), a concordância para que a bancada do partido realize nova reunião para discutir a decisão tomada ontem, de afastar a senadora Heloísa Helena (PT-AL) da bancada petista. Suplicy (PT-SP) fez um discurso da tribuna do Senado em defesa da senadora. Em seu pronunciamento, Suplicy, que discordou do afastamento de Helena, fez um apelo para que todos os senadores da bancada petista reflitam sobre o a decisão e revejam a decisão. Ele também apelou aos filiados do PT para que digam aos senadores, quando os encontrarem nos fins de semana em seus Estados, que deixem Helena na bancada. O senador Pedro Simon (PMDB-RS), em aparte a Suplicy, apoiou o pedido de revisão da decisão tomada ontem pela bancada petista. Um grupo de cerca de 15 deputados está no plenário do Senado, dando apoio à senadora. Daqui a pouco, haverá um ato de desagravo dos parlamentares deste grupo e de alguns senadores a Helena, no próprio Senado.

Agencia Estado,

02 de julho de 2003 | 17h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.