Bancada do PT terá comissão para organizar emendas

A bancada do PT na Câmara deverá instituir uma comissão de sistematização para organizar as propostas de emendas a serem oferecidas à reforma da Previdência enviada pelo governo ao Congresso. A informação é do vice-líder da bancada, deputado Henrique Fontana (RS), que reconheceu que o objetivo da medida é combater a impressão de que existe uma disputa interna no partido em relação ao assunto. "Queremos organizar o debate, pois ele não pode ser anárquico, como se fôssemos uma confederação de individualidades", afirmou Fontana. Ele acredita que a medida permitirá, ainda, a organização do diálogo do partido com a sociedade. O vice-líder disse que o partido está discutindo todos os pontos da reforma da Previdência, inclusive a mudança do teto da taxação dos inativos para R$ 2,4 mil. Segundo Fontana, pontos como a idade mínima para aposentadoria do servidor público e a falta de isonomia no tratamento dos servidores com os trabalhadores da iniciativa privada também estão sendo apontados na reunião da bancada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.