Bancada do PSDB também quer ouvir Denise Frossard

O líder do PSDB no Senado, Geraldo Melo (RN), convidou a juíza aposentada Denise Frossard para discutir com a bancada do partido medidas para a segurança pública no País. A reunião será realizada ainda este mês, depois que o Congresso Nacional reiniciar suas atividades legislativas. A juíza, que é filiada ao PSDB, já foi consultada a respeito de suas idéias sobre segurança pelos pré-candidatos à presidência José Serra (PSDB) e Raul Jungmann (PMDB).No encontro que teve hoje com líderes governistas, o ministro Arthur Virgílio, da Secretaria Geral da Presidência, pediu prioridade para o tema da segurança, que também será discutido por uma comissão especial de parlamentares. "O PSDB deve definir primeiro sua posição para levá-la à comissão especial que será criada depois do Carnaval", disse Geraldo Melo. Ele defendeu, por exemplo, a criação urgente de um sistema integrado de informação e a definição dos crimes considerados federais. O líder tucano entende também que a lei de segurança nacional deve ser revisada. "Precisamos reescrever a lei de segurança nacional, mas dentro daquilo que realmente ameaça a segurança nacional", afirmou, defendendo ainda modificações no Código Penal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.