Bahia receberá R$ 202 mi para PAC cidades Históricas

O governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), informou neste domingo (25), por meio do seu perfil no microblog Twitter, que seu Estado receberá recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) Cidades Históricas. "Com muita satisfação, informo que a Bahia está incluída no PAC Cidades Históricas, programa do governo federal", escreveu.

CARLA ARAÚJO, Agência Estado

25 de agosto de 2013 | 17h37

Segundo o governador, a Bahia será o Estado mais contemplado do Nordeste, com cerca de R$ 202 milhões, divididos entre os municípios de Itaparica, Maragogipe, Santo Amaro e Salvador.

No último dia 20, a presidente Dilma Rousseff anunciou a liberação de R$ 1,6 bilhão para a segunda versão do PAC Cidades Históricas. De acordo com Dilma, os recursos do programa não terão contingenciamento e a liberação para os projetos será automática. "Vamos investir R$ 1,6 bilhão para apoiar obras de 44 cidades, de 20 Estados ao longo de três anos. São 119 projetos prontos para licitar", disse a presidente, durante evento na cidade de São João del-Rei (MG).

Tudo o que sabemos sobre:
BahiaPAC cidades históricas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.