Bahia decreta cinco dias de luto oficial por morte de ACM

Em nota, Jaques Wagner (PT), governador do Estado, lamenta a morte do senador Antônio Carlos Magalhães

Tiago Décimo, Estadão

20 de julho de 2007 | 12h59

O governador baiano, Jaques Wagner (PT), decretou nesta sexta-feira, 20, luto oficial de cinco dias no Estado pela morte do senador Antonio Carlos Magalhães. Em nota, Wagner lamenta a morte de ACM.   Veja também: Morre o senador Antonio Carlos Magalhães No vídeo mais acessado no YouTube, ACM defende ditadura Frases do senador Site oficial do senador Galeria de Fotos  ACM visita o Estado de S. Paulo        "Durante as últimas décadas, Antonio Carlos Magalhães exerceu reconhecida liderança política na Bahia e no Brasil", diz o texto. O governador, neste momento, viaja de volta a Salvador, depois de visitar Porto Seguro, no litoral sul baiano.   Veja a íntegra da nota:   "NOTA OFICIAL O Governo do Estado da Bahia lamenta o falecimento do senador e ex-governador da Bahia Antonio Carlos Magalhães, ocorrido hoje em São Paulo.   Durante as últimas décadas, Antonio Carlos Magalhães exerceu reconhecida liderança política na Bahia e no Brasil, onde ocupou, sucessivamente, os mandatos de deputado estadual e federal, Prefeito de Salvador, Governador do Estado por três vezes, Ministro de Estado e Senador da República.   Ao tempo em que fica decretado luto oficial por cinco dias, em homenagem póstuma ao ex-Chefe do Executivo baiano, apresento, em meu nome e no de minha esposa, Maria de Fátima Mendonça, as expressões de nosso pesar à família enlutada.   Salvador, 20 de julho de 2007 Jaques Wagner Governador da Bahia" Morre o senador Antonio Carlos Magalhães

Tudo o que sabemos sobre:
Morte de ACMluto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.