Avião russo é favorito para frota brasileira, diz jornal

O avião de combate russo Sukhoi-35 é o favorito para substituir a atual frota brasileira de aviões de combate Mirage III, conforme relata uma fonte oficial do governo russo ao jornal Rossiyskay a Gazeta. O Brasil iniciou a licitação para substituir os aparelhos de combate em 2001.Depois que os aviões de combate F-16 e F-18 dos EUA abandonaram a concorrência, o Sukhoi-35 compete agora somente com o Mirage-2000, da França, segundo comentários do jornal russo, que afirma serem aspectos políticos e não técnicos, que dominam o processo de licitação brasileiro.De acordo com o "PR Newswire Brasil", que distribui informações empresariais geradas pelos clientes, o fato mais intrigante é que os EUA, contrariados com a derrota para a França, fazem agora lobby em nome dos russos no estágio final da licitação. Segundo o jornal russo, os EUA iniciaram negociações nos bastidores e uma campanha de acusações na mídia com o objetivo de derrubar as possibilidades do Mirage-2000.Nos últimos anos, EUA e França têm feito parte da lista final de quase todas as concorrências internacionais para a compra de aviões de combate, enquanto que a Rússia, com os avançadas aparelhos Sukhoi-30 e Sukhoi-35 tem tido menos sucesso para penetrar em novos mercados, informou o Rossiyskaya Gazeta.O jornal acrescenta que isso não significa que os aviões de combate russos sejam inferiores aos similares norte-americanos ou franceses. O Sukhoi-35, de acordo com os russos, "é imbatível em termos do quociente valor/eficiência e os pilotos brasileiros são fascinados por seu design e o desempenho em combate".

Agencia Estado,

24 de junho de 2002 | 18h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.