Avião perdeu contato com aeroporto antes de cair nos EUA

O avião comercial que caiu perto de Buffalo, no Estado de Nova York, na noite de quinta-feira estava prestes a iniciar a descida para aterrissar quando os controladores de tráfego aéreo perderam repentinamente o contato com ele, mostram as gravações da torre de controle. Enquanto a torre pedia em vão que os pilotos do vôo 3407 da Continental Connections, operado pela Colgan Air, respondessem, um controlador pediu ajuda para descobrir o que havia acontecido com o avião Bombardier Dash 8 Q400, que levava 44 passageiros e quatro tripulantes. "Colgan 3407. Torre de Buffalo. Vocês nos estão ouvindo?", disse o controlador. "Fala a comunicação em terra. Precisamos falar com alguém a pelo menos cinco milhas a nordeste... ou a polícia estadual ou o departamento do xerife. Precisamos descobrir se há alguma coisa no chão." "Esta aeronave estava a cinco milhas de distância, e de repente não temos resposta dessa aeronave." A voz de outro homem disse: "Tudo o que posso lhe dizer é que a aeronave estava sobre o marcador e agora não estamos mais falando com ela". O controlador então diz a outros aviões que o Dash 8 "não chegou ao aeroporto". "Cactus, você encontrou o Colgan?", diz ele a um tripulante da cabine de outro vôo. "Infelizmente, eles disseram que ele caiu mais ou menos diretamente em cima do marcador", responde o tripulante. A fita foi reproduzidas pelas emissoras de TV americanas. As 48 pessoas que estavam a bordo do vôo da Colgan e uma pessoa em terra morreram quando o avião caiu sobre uma casa em Clarence Center, um subúrbio de Buffalo, e explodiu em chamas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.