Avião brasileiro destruído no Paraguai

Um avião monomotor brasileiro, prefixo PT-KIO, foi localizado destruído em uma das três fazenda do ex-presidente do Paraguai e atual senador daquele país, Juan Carlos Wasmosy, localizada no município paraguaio de Concepción. A aeronave fez um pouso normal, segundo índios da aldeia Tacuarita, vizinha da fazenda. A destruição do avião, ainda conforme os índios, foi causada por incêndio, provocado deliberadamente por dois homens. De acordo com os índios, a dupla desceu do aparelho e aguardou a chegada de uma caminhonete, transferindo do avião para o utilitário 500 ou mais pacotes de várias cores, contendo presumivelmente cocaína, e foram embora.O pouso e a transferência dos pacotes aconteceram quase no final da tarde da última quarta-feira. Na madrugada do dia seguinte, os mesmos dois homens que chegaram na caminhonete voltaram ao local e incendiaram o monomotor, que ficou completamente destruído. Policiais da Divisão de Narcóticos e Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai confirmaram as informações, acrescentando que estão encarando o caso como tráfico de drogas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.