Auxiliar de vereador do PT é assassinado no Rio

O auxiliar de gabinete do vereador petista Jorge Babu, Alexandre Menino de Macedo, de 28 anos, foi assassinado na manhã desta terça-feira, no bairro de Campo Grande, na zona oeste do Rio de Janeiro. Ele foi morto dentro de seu carro, um Fiat Palio cinza, pouco depois de ter saído de casa, por volta das 10 horas. Para a polícia, o crime pode ter sido encomendado, já que Macedo foi atingido por dezenas de tiros de fuzil, cinco deles na cabeça. De acordo com o delegado Renato Freixo, da 35ª DP de Campo Grande, Macedo já havia sido preso, em agosto de 1999, por porte ilegal de armas, mas foi libertado em seguida, após pagamento de fiança. Babu se disse surpreso com o crime. "Não tenho idéia nenhuma do que aconteceu. Está todo mundo de boca aberta. Agora quem tem que investigar é a polícia", disse.O vereador disse que Macedo começou a trabalhar com ele durante a campanha eleitoral, em 2001. Depois, foi nomeado auxiliar de gabinete. Segundo a assessoria de Babu, o auxiliar não tinha inimigos conhecidos e jamais recebeu ameaças.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.