Ausência de Rosinha em seminário causa mal-estar

A ausência da governadora Rosinha Matheus na abertura do seminário "Revitalização do Rio", realizado na sede da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan) provocou mal-estar. O presidente da entidade, Eduardo Eugênio Gouvêa Vieira, abriu o evento dizendo que a governadora, apesar de ter confirmado várias vezes sua presença, telefonou no início da manhã afirmando que não compareceria. "A presença da governadora demonstraria sua prioridade em relação ao desenvolvimento do Estado. Ela sabe que a Firjan é uma casa apartidária. A ausência mostra que talvez o interesse pelo desenvolvimento do Estado não esteja muito profundo em sua mente", disse Vieira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.