Ausência de Lula em convenção frustra petistas

Convenção do PT de São Bernardo do Campo ratifica neste sábado a candidatura à reeleição do prefeito Luiz Marinho

Fernando Gallo, de O Estado de S. Paulo

30 de junho de 2012 | 12h48

A ausência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na convenção do PT de São Bernardo do Campo que ratifica neste sábado a candidatura à reeleição do prefeito Luiz Marinho frustrou os militantes petistas presentes no evento.

 

Lula avisou Marinho de última hora que não compareceria. O prefeito chegou a aguardar o ex-presidente na área reservada à chegada das autoridades, mas deixou o local depois da ligação de Lula.

 

O ex-presidente gravou vídeos para as convenções do PT em Recife, São Luís e Campinas. Decidiu não ir à convenção de Marinho para poupar a voz e descansar para o início da campanha eleitoral, no sábado que vem. Lula ainda enfrenta problemas na garganta, decorrentes do tratamento contra o câncer na laringe ao qual se submeteu.

 

Sem ele, o petista mais graúdo a comparecer ao evento em São Bernardo foi o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, que chegou a afirmar que não estava presente apenas como militante, mas também "como ministro". Justificou a frase elencando as realizações de Marinho na área da saúde à frente da prefeitura.

 

A convenção ratifica também a candidatura de Frank Aguiar (PTB) à reeleição como vice-prefeito, decidida nesta sexta-feira à noite. O PMDB, integrante da chapa, também disputava o posto.

 

Colaborou Daiene Cardoso

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.