Aumenta o uso de antidepressivos por crianças, aponta estudo

O uso de antidepressivos por crianças cresceu no início deste século em países ocidentais, afirma um estudo publicado nesta quinta-feira pela British Medical Association. O aumento foi mais significativo na Grã-Bretanha, mas o Brasil também aparece na lista.Na Grã-Bretanha, os médicos receitaram 750 mil psicotrópicos para pacientes menores de 18 anos em 2002, o que representa um aumento de 75% em relação ao ano 2000. Outros países que tiveram aumento na prescrição de antidepressivos a crianças foram França, Espanha, Estados Unidos, Argentina, Brasil e México.O estudo foi feito por Ian Wong, da escola de Farmácia da Universidade de Londres, e publicado pela British Medical Association. Entre as drogas listadas estão antidepressivos, estimulantes, benzodiazepínicos e outros medicamentos contra a ansiedade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.