Auditores querem saída de Rachid da Secretaria da Receita

Os auditores fiscais vão pressionar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva a afastar do cargo o secretário da Receita Federal, Jorge Rachid. O Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais (Unafisco) organizou uma seleção de 13 pré-candidatos a serem incluídos em uma lista de três nomes que a categoria pretende entregar a Lula. Rachid não foi incluído na lista.Segundo o Unafisco, o movimento de escolha dos candidatos não tem relação com os rumores de que Rachid pode deixar o cargo em mudanças que o ministro da Fazenda, Guido Mantega, teria intenção de fazer na sua equipe.Em nota divulgada nesta terça-feira, 27, o Unafisco informa que os 13 pré-candidatos foram escolhidos pelos auditores fiscais da Receita de todo o País num processo que durou cerca de três meses. Num primeiro momento, foram definidos os requisitos necessários aos candidatos. Depois, as delegacias sindicais do Unafisco nos Estados passaram a discutir nomes. O Unafisco organiza nesta quarta-feira, às 9 horas, na sede da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), em Brasília, um debate com os pré-candidatos.Para a categoria, o cargo é estratégico para o Estado brasileiro e deve adaptar-se ao controle democrático da sociedade civil organizada. Na nota, o Unafisco afirma que a categoria espera que o presidente Lula acate a proposta e escolha do novo secretário da Receita Federal do Brasil a partir da lista tríplice, como hoje já é feito para nomear o Procurador-Geral da República e os reitores das universidades federais. A lista prévia de candidatos, que não inclui Rachid, é a seguinte:- Mauro Sérgio Bogéa Soares;- Luciano Calixto;- Sálvio Medeiros Costa;- Lina Marin Vieira;- Marcos Vinícius Neder;- José Alberto Lima;- Osíris Lopes Filho;- Antônio Carlos Guimarães;- Leônidas Pereira Quaresma;- Celso Fernandes;- Luiz Tadeu Matosinho Machado;- Dão Real Santos;- José Barroso Tostes Neto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.