Assembléia Legislativa do Amazonas segue indefinida

Faltando um mês para o início da nova legislatura na Assembléia Legislativa, até hoje permanece indefinido o titular da 24ª vaga de deputado estadual. Os deputados Artur Bisneto (PSDB) e Miron Fogaça (PRP), içado ao cargo pelos votos de legenda a Donmarques Mendonça (PRP), disputam o cargo desde a eleição no ano passado, mas discussões entre juízes e advogados que trabalham no caso já conseguiram cancelar três sessões para julgar a pendência.No dia 15 de dezembro, o juiz designado para julgar o caso, Élson Andrade, renunciou porque disse estar sendo pressionado. Nesta segunda-feira, o novo juiz do caso, Francisco Maciel, também pediu afastamento, alegando ter sido agredido por Donmarques. Bisneto obteve 14.060 votos nas eleições do ano passado, mas foi homologado no lugar do tucano o ex-prefeito de Itacoatiara Miron Fogaça (PRP), que recebeu 3.311 votos. A coligação Unidos Venceremos, formada entre PRP e PSL, somou os votos de Fogaça aos do deputado estadual Donmarques Mendonça (PRP), que recebeu 17.685 votos. Os votos da coligação garantiram a reeleição de Donmarques e o rebaixamento de Bisneto para primeiro suplente, que tinha menos votos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.