Assembléia do Paraná derruba voto secreto em primeira votação

A Assembléia Legislativa do Paraná aprovou, nesta segunda-feira, 4, em primeira discussão, com a unanimidade dos 41 deputados presentes, o fim do voto secreto em todas as deliberações legislativas, como as concessões de títulos de cidadania honorária, apreciação de vetos governamentais, indicação de nomes para ocupar vagas no Tribunal de Contas e votação da Mesa Diretora.A proposta de emenda à Constituição (PEC), de autoria do deputado Nelson Justus (PFL), prevê que as votações de perda de mandato, até agora feitas em votação secreta, ocorrerão pela maioria de seus integrantes. A PEC ainda deverá ser apreciada em uma segunda votação. Segundo o regimento interno da Casa, ela só poderá acontecer após cinco sessões ordinárias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.