Assembléia de Minas paga salário de quase R$ 50 mil

O mais alto salário de um servidor da Assembléia Legislativa de Minas Gerais chega a quase R$ 50 mil, e 75 funcionários (27 da ativa e 58 aposentados) da Casa ganham acima de R$ 20 mil. A informação foi dada nesta quarta-feira pelo 2º vice-presidente do Legislativo estadual, deputado Adelmo Carneiro Leão (PT), que divulgou uma lista com a variação dos vencimentos dos servidores.A relação dos ganhos, engordados por diversos benefícios, vinha sendo considerada uma verdadeira ?caixa-preta? do parlamento mineiro. Entre os funcionários da ativa, um servidor recebe por mês R$ 49.777,90. O maior valor pago a um aposentado é de R$ 40.786,38.A Assembléia mineira tem 2.878 servidores da ativa, entre funcionários de carreira e de recrutamento amplo. O gasto com a folha de pagamento chega a R$ 9,964 milhões por mês. Já os aposentados somam 820 e respondem por um comprometimento mensal de R$ 7,787 milhões. Pela lista divulgada nesta quarta-feira, 133 servidores inativos recebem mais de R$ 15 mil.Os 77 deputados estaduais de Minas que já foram conhecidos pelos ?supersalários? ? que variavam de R$ 60 a R$ 90 mil ? recebem atualmente um subsídio fixo de R$ 15,5 mil. O vencimento total com os benefícios chega a R$ 28,5 mil mensais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.