Assassinos de cônsul são condenados em Curitiba

Foram condenados hoje, em Curitiba, no Paraná, os garotos-de-programa que assassinaram o cônsul de Portugal Miguel José Fawor, de 42 anos, em fevereiro de 2000. O cônsul foi morto com golpes de um peso de ginástica. Na época, os jovens Valter Machado Soares, 27 anos, e Carlos Rodrigo Pereira Fraga, 22 anos, disseram que mataram o cônsul porque ele teria se recusado a pagar integralmente por um programa. Valter, autor do crime, foi condenado a 18 anos e seis meses de prisão. Carlos, condenado como cúmplice, a nove anos. O julgamento da dupla durou mais de 24 horas, de acordo com a Rádio CBN.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.