Aracruz vai à Justiça para retomar área no ES

A Aracruz Celulose pediu ontem à Justiça Federal, no Espírito Santo, a reintegração de posse de uma área de plantações invadida na terça-feira por índios tupiniquins e guaranis. Segundo os invasores, a área pertence às suas comunidades. Na segunda-feira, a empresa tinha obtido na Justiça Federal de Linhares a liminar de reintegração de posse de outra área com florestas, invadida por quilombolas, que também reivindicam parte das terras. A invasão foi apoiada pelo MST.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.