Aprovação das reformas leva tempo, diz Lula

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva se disse otimista com a aprovação das reformas, mas admitiu que ?leva tempo?. Ao deixar a Câmara dos Deputados, Lula foi cercado por dirigentes do Sindicato dos Servidores Públicos Federais, contrários à reforma da Previdência, que lhe entregaram uma carta. Em seguida, entregaram também uma ficha - não preenchida nem assinada - na qual estava escrito "Servidor Número 1". O presidente utilizou-se dessa ficha para documentar o recebimento da carta dos sindicalistas - escreveu "Recebi" e a devolveu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.