Após sessão de hoje, STF só retomará mensalão em 7 de novembro

O relator, ministro Joaquim Barbosa, vai realizar um tratamento de saúde na Alemanha

Eduardo Bresciani - Agência Estado,

25 de outubro de 2012 | 17h19

SÃO PAULO - O Supremo Tribunal Federal (STF) vai suspender por 13 dias o julgamento do processo do mensalão devido à viagem do relator, ministro Joaquim Barbosa, à Alemanha para um tratamento de saúde. A sessão desta quinta-feira, 25, interrompida para intervalo, será a última deste mês. Após isto, somente no dia 7 de novembro o tema será retomado em plenário.

O presidente do STF, Carlos Ayres Britto, consultou o plenário sobre o novo calendário. Além de retirar o tema da próxima semana, a sessão marcada para o dia 5 de novembro foi reagendada para a manhã do dia 8 de novembro. Na próxima semana o tribunal vai julgar outras matérias. 

Tudo o que sabemos sobre:
mensalãoSTF

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.