Após falar com Lula, presidente da CUT acha que mínimo não sai hoje

O presidente da CUT, Luiz Marinho, disse acreditar que não será anunciada hoje uma definição do novo valor do salário mínimo.Ao sair do Palácio do Planalto, onde assistiu à cerimônia de assinatura da medida provisória sobre desenvolvimento industrial e do projeto de lei sobre inovação tecnológica, Marinho disse que conversou rapidamente com o presidente Lula.Ele falou para o presidente "não cair na besteira" de aumentar o salário-família e não aumentar o máximo possível o salário mínimo". Segundo o sindicalista, Lula disse que levará em conta essa ponderação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.