Após disputa acirrada, petista vence em Guarulhos

Com 100% das urnas apuradas, o petista Sebastião Almeida (PT) se tornou o novo prefeito de Guarulhos, em substituição ao prefeito Elói Pietá, também do PT. Almeida, que é deputado estadual, recebeu 320.472 votos - o equivalente a 56,68% - ante o tucano Carlos Roberto, que amealhou 244.922 sufrágios, ou seja, 43,32% do eleitorado da cidade, com o segundo maior colégio eleitoral do Estado. Almeida, que acompanhou a apuração em sua casa, disse que o seu triunfo significa "a vitória de um projeto de construção de uma cidade mais justa e mais humana. Enfim, de uma Guarulhos melhor para todos", afirmou, lembrando que a saúde e o transporte público serão as áreas que terá de enfrentar já em um primeiro momento."O prefeito Elói Pietá fez muito pela cidade em oito anos de mandato, mas somos os primeiros a reconhecer que ainda temos muito a fazer. Estas áreas são as que daremos uma atenção especial", explicou. Carlos Roberto, por sua vez, acompanhou a apuração do comitê central de sua campanha no bairro do Bom Clima, região central da cidade. "Guarulhos demonstrou nas urnas, ao nos dar uma votação tão expressiva, que quer mudança. Não me sinto perdedor, já que saí de 4% de intenção de votos no início da campanha para chegar a mais de 43% no final, uma votação esplêndida. Não vou desistir de fazer política na cidade, nem do meu trabalho na oposição", afirmou Carlos Roberto. O PSDB deve se converter em líder da oposição ao governo de Almeida. O resultado confirmou uma pesquisa de intenção de voto feita há uma semana pelo Vox Populi/Diário de Guarulhos, na qual o petista vencia por um porcentual semelhante ao verificado. O tucano, que estava em terceiro lugar nas pesquisas, foi para o segundo turno depois de ultrapassar, na reta de chegada, o ex-prefeito e ex-deputado federal Jovino Cândido (PV), que disputava a ponta com Almeida.Com a vitória, Almeida vai comandar, pela primeira vez na história da cidade, uma administração petista já na terceira gestão. Pietá, por sua vez, ainda não revelou o seu futuro político. Sua mulher, Janete, é deputada federal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.