Após Câmara, Senado divulga ainda hoje regra para passagens

Dentre as novas regras, haverá restrição de uso da passagem pelo parlamentar ou para assessora

Agência Brasil

22 de abril de 2009 | 16h20

O presidente do Senado Federal, José Sarney (PMDB-AP) se reúne nesta quarta-feira, 22,  com o 1º secretário, Heráclito Fortes (DEM-PI), líderes partidários e parlamentares da Casa para tratar do uso de passagens aéreas pelos senadores.

 

Veja Também:

linkTemer admite que destinou passagens aéreas para parentes

linkCâmara anuncia corte de 20% na cota de passagens

linkEx de Galisteu devolve R$ 21 mil à Câmara por gasto em viagem

linkDeputado paga passagens para artistas com verba da Câmara

linkApós série de escândalos, Câmara quer 'pacote moralizador'

 

Segundo o senador Eduardo Suplicy (PT-SP), que deixou o gabinete da presidência do Senado, Sarney deve anunciar ainda nesta tarde novas regras para o uso de passagens aéreas. Suplicy adiantou que, dentre as novas regras, haverá restrição de uso da passagem pelo parlamentar ou por um assessor designado por ele, desde que a viagem seja a serviço.

 

Além disso, todas as viagens realizadas terão a prestação de contas publicadas na página do Senado na internet.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.