Após ação de Temer, ex-DEM entra no PMDB

Ex-presidente do DEM paulistano, o advogado Alexandre de Moraes assinou nesta quarta-feira (5) ficha de filiação ao PMDB, em cerimônia na liderança do partido no Congresso Nacional. Ele havia anunciado a sua saída do DEM na sexta-feira passada.

Agência Estado

06 de dezembro de 2012 | 09h05

Moraes aceitou convite do vice-presidente da República, Michel Temer, principal líder nacional do PMDB, que desde o ano passado já vinha assediando o ex-integrante do DEM para ingressar na legenda. Assim que tomou o controle do PMDB paulista com a morte do ex-governador Orestes Quércia, em 2010, Temer traçou uma estratégia de fortalecer a legenda em São Paulo, onde o partido teve desempenho fraco nas eleições passadas - hoje o PMDB tem apenas dois deputados por São Paulo.

"Aceitei o convite de Michel Temer para ajudar o PMDB de São Paulo a ser tão grande quanto o PMDB nacional", declarou ontem Moraes. Como parte da estratégia de fortalecer o partido, Temer convidou no ano passado o deputado Gabriel Chalita, ex-PSB, para entrar no PMDB, por meio do qual disputou a Prefeitura de São Paulo neste ano. Participaram da filiação de Moraes o presidente do PMDB, Valdir Raupp, Temer e Chalita. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

Tudo o que sabemos sobre:
TemerMoraesPMDB

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.