Apesar do clima de campanha, Aécio nega candidatura em 2010

Em evento da Inconfidência, faixa dizia: 'Queremos Aécio presidente'; governador de MG quer 'caminhos comuns'

Eduardo Kattah, de O Estado de S. Paulo,

21 de abril de 2008 | 15h51

O governador Aécio Neves (PSDB) disse nesta segunda-feira, 21, que as lideranças políticas de Minas buscam construir "caminhos comuns" para que o Estado esteja representado na sucessão presidencial em 2010. Aécio negou que já tenha decidido entrar na disputa pelo Palácio do Planalto, mas a tradicional solenidade da entrega da Medalha da Inconfidência, em Ouro Preto (MG), foi marcada por um clima de pré-candidatura.  Veja também: 'Aécio é candidato a presidente', diz Sérgio Guerra  Ao lado do governador, o vice-presidente e presidente em exercício, José Alencar, fez rasgados elogios a Aécio e disse que Minas tem saudade da época em que conduzia os destinos da Pátria. No evento, Aécio condecorou dezenas de autoridades, entra elas o presidente nacional do PMDB, deputado federal Michel Temer (SP). Entre as faixas estendidas pelo público concentrado na Praça Tiradentes, uma dizia: "Queremos Aécio presidente do Brasil".  A predisposição do governador de sair candidato foi apontada pelo próprio presidente nacional do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE). Aécio classificou apenas como uma "interpretação" de Guerra. "Tenho dito sempre que Minas vai estar presente na sucessão, pode ter candidato, pode não ter candidato, e participar do processo. Eu acho apenas que é muito difícil que se construa um projeto de Brasil, na dimensão do que o Brasil precisa, sem que Minas tenha uma presença e uma palavra de muito vigor. De muita força", disse o governador.  "Em Minas nós estamos buscando construir convergências e eu acho que as sinalizações, do próprio vice-presidente da República e presidente em exercício, hoje, é muito clara, Mostra que nós podemos construir caminhos comuns."

Tudo o que sabemos sobre:
Aécio Neves

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.