Ao elogiar futura unidade de saúde, deputado comete gafe ao lado de Alckmin

Ao elogiar futura unidade de saúde, deputado comete gafe ao lado de Alckmin

'O sujeito que comer no Bom Prato e passar mal, vem no policlínicas', diz Luciano Batista (PTB), em Santos

Ricardo Chapola, O Estado de S. Paulo

29 de outubro de 2014 | 14h34

Santos - Ao lado do governador Geraldo Alckmin, o deputado estadual Luciano Batista (PTB) disse nesta quarta-feira, 29, que quem passar mal por comer no Bom Prato poderá utilizar a unidade de saúde que será construída no Morro do São Bento, região pobre de Santos. O governador esteve na cidade para visitar as obras da unidade. Bom Prato é um dos principais programas do governo estadual, que oferece refeições a R$ 1.

"Aqui ao lado vai ter um Bom Prato também. O sujeito que comer no Bom Prato e passar mal, ele vem no policlínicas", afirmou Batista, que foi o primeiro a discursar no evento. "É uma coisa rápida e rasteira."

Sem graça, Alckmin apenas sorriu com as declarações.

Quem consertou a gafe cometida pelo deputado foi o ex-prefeito de Santos, João Paulo Papa, que assumiu o microfone na sequência: "Não, Batista. O pessoal come no Bom Prato e aí é que não vai passar mal mesmo", disse ele.

Tudo o que sabemos sobre:
AlckminBom PratoSantos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.