Anúncio de substituto de Sadok no Dnit não sai nesta sexta-feira

Diretor executivo do Dnit foi afastado por Dilma após após revelação do 'Estado' de que construtora da sua mulher ganhou R$ 18 milhões em obras

Eduardo Rodrigues, da Agência Estado

15 de julho de 2011 | 19h23

BRASÍLIA - Apesar do ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, ter dito mais cedo que o nome do novo diretor-geral interino do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) seria divulgado ainda nesta sexta-feira, 15, a assessoria de imprensa do ministério informou que o nome do escolhido não será conhecido hoje.

O diretor executivo do Dnit, José Henrique Sadok de Sá, que estava acumulando a diretoria-geral do órgão como interino, foi afastado nesta sexta, temporariamente, do cargo depois das denúncias publicada pelo jornal O Estado de São Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.