ANS liquida plano de saúde e autua outros dez

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) liquidou extrajudicialmente um plano de assistência médica e multou outros dez, em valores que variam de R$ 8 mil a R$ 50 mil, por atendimento irregular. Somente um deles, a Unimed em Belém, recebeu 26 autuações. A ANS também decretou intervenção em outra operadora pelos mesmos motivos, segundo publicação no Diário Oficial.Por "anormalidades consideradas graves que colocaram em risco a continuidade de atendimento à saúde", o Plano de Assistência Médica Miller, do Rio de Janeiro, teve a liquidação extrajudicial decretada pela ANS. A empresa, segundo constataram técnicos da Agência, estava com uma série de problemas de ordem econômico-financeiros e administrativos. Todos seus bens deverão ser leiloados para pagar dívidas de credores, e os administradores da Miller terão seus bens indisponibilizados pela Justiça.A operadora que passou a funcionar sob intervenção da ANS é a Sistema Assistencial Médico Paraminense (Samp), cuja administração passa a ser, agora, feita por uma pessoa indicada pelo governo. A empresa, que também passa por dificuldades de ordem financeira, continuará funcionando e a intervenção poderá durar até um ano.MultasOutras dez operadoras foram autuadas pela ANS por irregularidades relacionadas ao atendimento de seus clientes. A Unimed de Belém (PA) recebeu 26 multas, que totalizaram R$ 50 mil. O motivo, segundo a diretora de fiscalização da ANS, Maria Stella Gregori, foi interrupção de cobertura de internação hospitalar. A Proclin Saúde recebeu uma multa de R$ 8 mil por descumprimento da regulamentação sobre doença e lesão preexistente.Outra multa também considerada alta foi dada para a Unimed de São Luís (MA), de R$ 45 mil, por não ter fornecido o cadastro de beneficiários, enquanto que as Unimeds em João Pessoa (PB) e Volta Redonda (RJ) foram multadas em R$ 27 mil cada uma, por obstruir a fiscalização da ANS. As outras operadoras multadas foram a Golden Cross, Secovimed, SST Odonto, Unimed do Brejo Paraibano e MJA Assistência Médica. Os valores das multas não foram indicados pela ANS.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.