Anastasia diz que Aécio é fundamental para sua reeleição

O governador de MG garantiu que sua campanha será 'completamente integrada' à do presidenciável tucano

Eduardo Kattah, de O Estado de S.Paulo

25 Maio 2010 | 17h14

BELO HORIZONTE - O governador de Minas, Antonio Anastasia (PSDB), disse nesta terça-feira, 25, que a presença do ex-governador Aécio Neves "é fundamental" para o sucesso de sua campanha à reeleição. Em meio à especulação de que Aécio poderia rever a decisão de se candidatar ao Senado e aceitar compor como vice de José Serra, Anastasia garantiu que sua campanha será "completamente integrada" à do presidenciável tucano.

 

Aécio, que nesta quarta-feira, 26, deverá participar de uma agenda do governador na Cidade Administrativa, já deixou claro que sua prioridade é fazer o sucessor. Nas conversas que manteve com interlocutores próximos nos últimos dias, enquanto esteve ausente do País, o ex-governador reiterou a disposição de concorrer ao Senado.

 

Para Anastasia, a pressão para que ele seja vice se dá por meio da imprensa. "Essa pressão está acontecendo pela imprensa que acompanhamos. Muitas lideranças nacionais desejam isso, mas na realidade o governador já manifestou publicamente várias vezes, não só agora como antes, que é candidato ao Senado. E não tenho nenhum motivo para acreditar no contrário", afirmou na noite de anteontem (24), ao desembarcar em Montes Claros.

 

Ainda na cidade do norte mineiro, onde nesta terça, 25, participou de um seminário de direito administrativo, Anastasia ressaltou a importância de Aécio para sua reeleição. O governador aparece em desvantagem nas pesquisas de intenção de voto seja na disputa com Hélio Costa (PMDB) ou com Fernando Pimentel (PT) como candidato da base aliada ao governo federal. Anastasia no entanto, se diz tranquilo.

 

"A presença do governador Aécio é fundamental. Ele é o nosso grande líder político, ele é o grande fiador do que fizemos em Minas ao longo dos últimos sete anos e, no momento certo, pelos meios certos, o governador Aécio vai apresentar, naturalmente, a sua posição política no Estado."

 

O primeiro compromisso público do ex-governador após as férias no exterior deverá ocorrer na quarta, na abertura da 14ª Conferência Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale). No dia seguinte, Aécio deverá acompanhar a agenda do governador em evento para o qual Serra teria sido convidado. Na sexta-feira, ele e Anastasia visitam juntos Ipatinga, no Vale do Aço, onde participam de ato político com o vereador Robson Gomes (PPS), candidato a prefeito na eleição extemporânea marcada para domingo.

 

Apesar de representantes do PSDB-MG já terem admitido abertamente a hipótese de que a presença do ex-governador na chapa presidencial poderia alavancar o nome de Anastasia, o núcleo tucano mais próximo de Aécio não cogita essa possibilidade. "A nossa campanha vai ser uma campanha completamente integrada. A campanha para presidente e a campanha a governador", prometeu Anastasia.

Mais conteúdo sobre:
Eleições Joséserra Anastasia Aécio PSDB

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.