HÉLVIO ROMERO/ESTADÃO
HÉLVIO ROMERO/ESTADÃO

Análise: Resultado unânime no TRF-4 abala imagem de Lula

Aliados tradicionais do PT passarão a pensar em caminhos alternativos

Lucas de Aragão, O Estado de S.Paulo

24 Janeiro 2018 | 23h14

O resultado unânime no TRF-4 cria enorme constrangimento político para Lula que, agora na condição de condenado, tem uma marca negativa forte para sua imagem.

+++ Análise: Recursos de Lula Tornam Cenário Indefinido

Apesar da insistência de Lula e do PT, a possibilidade de o ex-presidente ser novamente candidato ao Palácio do Planalto em outubro é cada vez menor. A uniformidade da condenação reduz a chance de sucesso na apresentação de recursos e medidas protelatórias (embargos de declaração).

+++ Análise: Lula Condenado. E Agora?

O impacto da condenação criminal de Lula, transmitida por todos os veículos de comunicação, em tempo real, tende a abalar negativamente o capital político do ex-presidente, que hoje lidera as pesquisas de intenção de voto.

+++ Análise: Dependente de seu criador aos 38 anos, PT vive encruzilhada

Aliados tradicionais do PT passarão a pensar em caminhos alternativos, seja lançando candidatos próprios ou apoiando outras candidaturas de esquerda já lançadas. Dentro do próprio PT muitos aliados já jogaram a toalha quanto a sua candidatura. O Centrão, ainda buscando um projeto político para se ancorar, passará a ver Lula como uma alternativa cada vez mais difícil.

+++ 'Condenação de Lula gera indecisão e afeta credibilidade eleitoral', diz Cristovam Buarque

As principais consequências iniciais são: 1) Possível fragmentação de candidatos de centro-esquerda, por conta da provável ausência de Lula; 2) Os partidos e candidatos buscarão herdar seu capital político, principalmente no Nordeste; 3) O campo governista ganha tempo para organizar uma aliança - boa notícia para Geraldo Alckmin (PSDB-SP).

+++ Lula afirma ser vítima de um 'pacto'

O PT sofrerá desgaste parecido com as eleições municipais de 2016. A tendência é que o partido lance candidato próprio, mas utilize Lula como cabo eleitoral de candidatos petistas ao Congresso, Assembleias e governos estaduais.

* SÓCIO-DIRETOR DA CONSULTORIA ARKO ADVICE

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.