Ampliado prazo do Enem para escolas em greve

Os alunos de escolas públicas em greve ganharam mais prazo para se inscrever no Exame Nacional de Cursos (Enem). Segundo o calendário original, todos os estudantes que estão concluindo o ensino médio em 2002 deveriam ter feito a inscrição até hoje, nas próprias escolas onde estudam. Mas isso não foi possível nos lugares onde a rede pública está em greve, como é o caso do Distrito Federal e das regiões metropolitanas de Belém e do Rio.Esses alunos devem ser inscrever durante o prazo reservados aos estudantes que concluíram o ensino médio em anos anteriores: de 2 a 10 de maio, nas agências dos Correios ou pela Internet (http://www.enem.inep.gov.br/inscricao) até as 21 horas do dia 9 de maio. A exemplo dos outros alunos da rede pública, aqueles que estudam em escolas que estão em greve vão ter direito a isenção da taxa de R$ 32,00.O Enem é um exame que pretende avaliar o que os jovens aprenderam durante o ensino médio. Ele também é aceito como parte do processo de seleção de pelo menos 300 instituições de ensino superior. Em 2002, o Enem será realizado em 25 de agosto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.