Felipe Rau/Estadão
Felipe Rau/Estadão

Amigos viam em Campos alegria e inteligência, diz Haddad

Assim como as demais lideranças do PT, prefeito de São Paulo lamenta a morte do ex-candidato à presidência pelo Twitter

Stefânia Akel e Ricardo Della Coletta, Estadão Conteúdo

13 de agosto de 2014 | 15h45

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), afirmou que o Brasil perdeu um dos melhores políticos da nova geração com a morte do candidato do PSB à Presidência, Eduardo Campos em um acidente aéreo hoje em Santos (SP).

"Campos deixa só amigos, que viam nele alegria, inteligência e esperança. Triste", escreveu o petista, em sua conta no microblog Twitter.

As lideranças do PT na Câmara e no Senado divulgaram uma nota de pesar. No comunicado, o deputado Vicentinho (PT-SP) e o senador Humberto Costa (PT-PE) afirmam que "o desaparecimento de Eduardo Campos deixa o nosso mundo político consternado e com um grande vazio".

Os petistas dizem ainda que o País perdeu hoje um de seus governadores mais queridos e uma das lideranças políticas mais notáveis e promissoras. "Perdemos um gestor competente e um político que tinha a dar uma grande contribuição à nação", diz a nota conjunta.

Mais conteúdo sobre:
eduardo camposFernando haddad

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.