Ameaça de bomba impede decolagem de avião da TAM em Salvador

Passageiro suspeito ainda não teve identidade revelada e foi desembarcado pela Polícia Federal

Efe,

21 de maio de 2011 | 03h03

SÃO PAULO - Uma ameaça de bomba impediu na noite de sexta-feira, 21, a decolagem de um avião da TAM que levava 129 passageiros e cobria a rota Porto Seguro-São Paulo com escala em Salvador, informou a companhia aérea.

"O voo 3603 está atrasado na etapa entre Salvador e São Paulo devido a uma denúncia de bomba a bordo feita por um passageiro, que teve seu desembarque realizado pela Polícia Federal", informou a companhia aérea em comunicado.

A TAM explicou que para preservar a segurança de seus passageiros e tripulantes decidiu seguir "os procedimentos e práticas de segurança da aviação civil e da legislação", junto com a Polícia Federal.

Já a Infraero descartou a presença de alguma bomba dentro da aeronave, que foi revisada por agentes especiais da Polícia Federal no aeroporto Luis Eduardo Magalhães, em Salvador.

Após sair de Porto Seguro, um passageiro ameaçou explodir uma bomba, o que levou o piloto da aeronave a avisar a torre de controle, que solicitou a presença da Polícia para aguardar a aterrissagem em Salvador.

O suspeito, cuja identidade não foi revelada, será interrogado em Salvador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.