Altar de Aparecida é inaugurado depois de dois anos

Foram necessários dois anos dedoações voluntárias dos devotos da Padroeira do Brasil para queo altar central do Santuário Nacional de Aparecida, em Aparecida, no Vale do Paraíba, ficasse pronto. A inauguração da obraaconteceu hoje, durante a missa solene das 17h30, celebrada pelocardeal Dom Aloísio Lorscheider, Arcebispo de Aparecida.As doações foram feitas através da Campanha do Devoto,destinada a reunir recursos para as obras de finalização daBasílica. "Foram dezenas de milhares de doações. Das maissingelas, mas todas de grande valor para nós", afirmou oprofessor Manoel Ignácio de Moraes, assessor do Santuário.Em agradecimento aos colaboradores, uma relação comcerca de 60 mil nomes foi colocada embaixo da pedra do altardurante a cerimônia. "Esta relação será atualizada com nomes denovos colaboradores. Foi uma forma de agradecer tantagenerosidade", afirmou o padre José Roberto Pereira, assessorde comunicação do Santuário.No início da cerimônia, Dom Aloísio Lorscheider,acompanhado de diretores da Basílica e de bispos do Vale doParaíba, benzeu a água, o altar e depois todos os fiéis queacompanharam a missa. No primeiro banco, estavam algunsempresários que ajudaram na obra, como presidente do GrupoVotorantin, Antônio Ermírio de Moraes, a esposa, Maria ReginaCosta de Moraes e o diretor da fundação Bradesco, José CarlosPerry. Estavam ainda alguns prefeitos de cidades do Vale doParaíba, vereadores e o deputado estadual José CarlosStangarlini (PSDB), representando o governador do Estado de SãoPaulo, Geraldo Alckmin (PSDB).Durante toda a semana, cerca de 250 mil pessoasvisitaram a Basílica para conhecer o novo altar. A missa de hojefoi acompanhada por cerca de 10 mil fiéis. No momento daconsagração do altar, velas foram acesas, houve queima de fogosno pátio da Basílica, e os sinos badalaram por mais de cincominutos.Com um custo de R$ 1,2 milhão, o altar faz parteda primeira etapa da conclusão das obras da Basílica. Feito degranito maciço na cor marrom claro, o altar mede 1,70 X 1,70metro e pesa 3,5 toneladas. Formam ainda o novo altar central, amesa da palavra - onde são lidas as liturgias - e o piso redondo, também em granito nas cores branco, vermelho e rosa.A cerimônia de hoje marcou também o início de uma novacampanha de arrecadação de recursos para a colocação do piso daBasílica. Para a área de 25 mil metros quadrados serãonecessários cerca de R$ 2 milhões. "Assim como no altar,todos os devotos que doarem qualquer quantia terão seus nomescolocados na Basílica", afirmou o padre Pereira.A última etapa da obra será a pintura interna do teto eda cúpula - que está a uma altura de 40 metros - com desenhosque retratam os milagres de Nossa Senhora Aparecida. Esta será aterceira e última etapa, que ainda não tem previsão para serconcluída. "É difícil prever, já que as obras prosseguem deacordo com as doações" explicou o padre. As doações para asobras da Basílica Nacional de Aparecida podem ser feitas pelotelefone 0800-101210 ou pelo site www.santuarionacional.com.br.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.