Aliança com PSDB não condiciona vice do PSD, diz Afif

O vice-governador de São Paulo, Guilherme Afif Domingos (PSD), ressaltou hoje que o PSD tem bons nomes para assumir o posto de vice em uma aliança com os tucanos, tendo o ex-governador José Serra como candidato à Prefeitura da Capital paulista. Ele ponderou, contudo, que o PSD não coloca como condição para um apoio aos tucanos a indicação do vice: "Temos quadros que fizeram parte da administração Serra, mas não estamos colocando isso como condição, até porque temos de deixar o candidato à vontade", acrescentou.

GUSTAVO URIBE, Agência Estado

27 de fevereiro de 2012 | 14h00

Afif disse que o interesse das duas siglas é formar o maior arco de alianças possível para garantir tempo de televisão e um bom desempenho do candidato José Serra neste pleito. E que o apoio do PSD ao PSDB deve-se à "densidade política" e à "densidade eleitoral" do ex-governador de São Paulo. Ele afirmou ainda que não pretende deixar o cargo de vice-governador para compor uma chapa com Serra.

Afif refutou também que uma aliança entre PSD e PSDB neste pleito municipal possa condicionar algum tipo de acordo para as eleições gerais de 2014. "Pelas circunstâncias, cada etapa a seu tempo", tergiversou.

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõesPSDBPSDAfif Domingos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.