Aliados tentarão acordo para desobstruir pauta

A líder do PT no Senado, Ideli Salvatti (SC), disse que, no início da tarde, os aliados do governo vão procurar os partidos de oposição para tentar um acordo que vise desobstruir a pauta com a votação, ainda hoje, da medida provisória que simplifica a legislação para estimular investimentos na marinha mercante do País. Após participar de uma reunião dos líderes governistas com o ministro da Coordenação Política, Aldo Rebelo, a líder petista disse, também, que é prioridade do governo desencalhar três projetos na Casa: a Lei de Falências, o projeto que institui as Parcerias Público-Privadas (PPP) e o projeto da Lei de Biossegurança. Para concluir a votação dessas propostas ainda este mês, será preciso um acordo com a oposição. Ideli avaliou que, se o governo conseguir um entendimento com os líderes de oposição para aprovar a MP da marinha mercante, não haverá problema para votação de outras quatro MPs menos polêmicas que estão na ordem do dia e trancando a pauta do Senado.O esforço do governo, hoje de manhã, é aprovar o projeto das PPP na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) e deixar que eventuais mudanças sejam feitas quando a proposta estiver tramitando na Comissão de Constituição e Justiça. "O mais importante é votar hoje o PPP na CAE", disse a líder. "Vamos vencer essa etapa e deixar qualquer aprimoramento para a CCJ".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.