Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Aliados se dizem excluídos da discussão sobre emendas

A decisão do PT de apresentar emendas à reforma da Previdência e anunciar que vai discutir alterações com o governo na proposta original encaminhada ao Congresso provocou indisposição entre os partidos da base do governo. Líderes aliados entendem que a negociação sobre possíveis modificações na proposta de reforma não pode ser feita de forma isolada, privilegiando um dos partidos de sustentação. ?Qualquer negociação deve ser feita com o conjunto da base, e não com um único partido. Nós, que nos posicionamos em todos os momentos de maneira correta com o governo, não vamos ser excluídos?, afirmou o líder do PSB na Câmara, Eduardo Campos (PE). O líder anunciou que hoje mesmo o partido vai apresentar 12 emendas à proposta de reforma tributária e que a bancada define, na próxima terça-feira, as emendas que serão apresentadas à reforma da Previdência. Também o PPS protestou contra a posição do PT de não assinar as propostas de emendas de autoria de deputados do partido, rompendo, segundo o PPS, ?a solidariedade entre os participantes da base de sustentação do governo?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.